Terapia política. Introspecção psicossocial. Análise simbólica.

09 setembro 2009

[976] O bailinho da Madeira

«[Alberto João Jardim é] um exemplo supremo na vida democrática do que é um político combativo.»
«A Madeira é bem o exemplo, com democracia, com autonomia, com a integração europeia de um vasto e notável progresso no País.»
«(...) esta obra historicamente tem um rosto e um nome, e esse nome é o do presidente do Governo Regional da Madeira, a quem quero também prestar uma homenagem, na diferença de posições, por esta obra e este resultado.»
«(...) na Madeira, tudo é uma conquista e, por isso, é que a vivência e concepção de autonomia na Madeira não é tanto a institucional, a conceptual ou jurídica, é sempre uma concepção de luta, de combate, de tenacidade, de vitória, de dinâmica, de afirmação em crescente.»
(Jaime Gama, em visita à Madeira, 28-3-2008, via Sol)
*
«As imagens de Ferreira Leite na Madeira são patéticas e são lamentáveis, (...) a dizer que a Madeira é um modelo de democracia».
(José Sócrates, debate com Francisco Louçã, na RTP, 8-9-2009)

2 comentários:

Joe disse...

Vale tudo para captar os votos extra...mesmo que isso implique chamar patético à 2ª Figura do estado - Pres. AR - o camarada Jaime Gama!

Núncio disse...

Tem toda a razão, Joe.
Com o fito de atingir Manuela Ferreira Leite, quem recebe o "beijo da morte" é Jaime Gama.

Arquivo do blogue

Seguidores